familia facebook pixel

Categoria De Mãe pra Mãe

Engravidar: tem idade certa?

Mais uma vez uma pesquisa dita regra sobre o momento certo da mulher engravidar. Dessa vez a idade ideal seria entre 34 e 35 anos. O estudo em questão foi realizado por cientistas britânicos. Foi levado em consideração o corpo da mulher, como se a gente fosse uma máquina. De acordo com os cientistas, nessa idade estamos prontas para ser mãe. Será mesmo? Engravidar é uma escolha além da idade Os

Continue lendo…

Amigo imaginario: minha filha tem!

Elektra. Ou algo do tipo. Confesso que não guardei o nome. Guardei apenas a carinha da Nina me contando  da amiga que ela tem e ninguém vê. Só ela. Sim, minha filha tem um amigo imaginario. Segundo ela é uma menina com quem ela conversa todos os dias. Que a ajuda na hora de fazer a lição. E que outro dia, inclusive, “soprou” para ela algumas respostas num teste de

Continue lendo…

Desculpa, amiga! Eu errei…

Me policio. Critico quem faz. Mas ontem foi minha vez de julgar uma mãe. Pior do que isso: julguei uma amiga querida. Dei palpite numa decisão dela que não me diz respeito e que tenho obrigação de respeitar. Por isso mesmo aproveito esse espaço para dizer: desculpa, amiga. Desculpa me meter! Ela me contava que agora que o filho vai fazer seis meses decidiu parar de amamentar. Por causa do

Continue lendo…

Independência também se ensina!

Se tem uma palavra que me define é essa: independência. Quem me conhece sabe. Detesto pedir favor. Há quem diga que chega a ser um defeito esse meu jeito. Mas eu acho que é uma qualidade e, por isso mesmo, faço questão de ensinar isso para minhas filhas. Sim, independência também se ensina!! Independência e educação Claro que amo dar banho na Nina e na Maitê mas, vira e mexe,

Continue lendo…

Amamentação: mais uma polêmica!

Amamentação é um tema polêmico. Infelizmente, na minha opinião. Digo isso porque acho um ato lindo. Mais: acho um milagre de Deus. E posso listar mais milhões de motivos: como o fato de fazer bem para a saúde das crianças. Mas as pessoas são diferentes e tem gente que odeia amamentar, como a apresentadora australiana Maddy Wright. Mãe de dois filhos, ela fez um desabafo em seu Instagram (@maddi_and_lloyd) sobre os efeitos

Continue lendo…

Infância e vitamina S (de sujeira mesmo!)

Sou a favor dessa substância. Acho que a infância de quem cresce em contato com ela é mais feliz, tem  mais longa. Acho que as crianças que se sujam se desenvolvem de outra maneira. Sim, estou falando da vitamina s, de sujeira mesmo! Estou falando de se lambuzar de tinta, de lama, de areia. E se divertir com isso! Infância: melhor fase da vida! Estamos vivendo um momento estranho. Muitos

Continue lendo…

Sonho: ir ao banheiro sozinha!

Será que é pedir muito? Veja. Não quero jóias, nem carros, nem viagens. Esqueça roupas, sapatos, casacos. Nada de cruzeiros, passeios de balão, camelo ou elefante. O meu sonho é apenas: ir ao banheiro sozinha! E quando eu digo sozinha, é bom registrar: nada de alguém dentro (óbvio) e nem na porta, mesmo que fora do cômodo. Nada de pessoas  me chamando, suplicando por mim!!!!!! Ficou claro? Sonho não se

Continue lendo…

Fim de semana todo delas?

Ouço essa pergunta há quase sete anos, desde que a Nina nasceu…”Seu fim de semana é só dela??” E, desde então, minha resposta é: “Sim, o meu fim de semana é só dela!” No início era porque sou super protetora mesmo, reconheço. Depois porque, a medida que ela foi crescendo e gente saindo mais, a cada dia surgiam novas coisas para fazermos juntas. E eu amava cada descoberta! Depois veio a

Continue lendo…

Perfeita não, melhor possível!

Mãe perfeita não existe. Existe a mãe que erra tentando acertar. A mãe que dá o seu melhor. A mãe que encontra a sua receita para criar os filhos de acordo com a dinâmica da sua família. É isso. Cada família é única. Cada casa é uma casa. Por isso mesmo não existe certo e errado na criação de filhos. Estamos todas no mesmo barco. Mãe perfeita não existe! Não

Continue lendo…

Cesárea humanizada, conhece?

Descobri hoje que tive cesárea humanizada. Uma não. Duas. Nina e Maitê vieram ao mundo graças a esse procedimento. Do que se trata? Qual a diferença com relação a cesárea comum? São muitas, na verdade. Cesárea humanizada A cesárea humanizada, antes de mais nada, só é feita em casos de real necessidade, para salvaguardar a mãe e o feto. Nesse tipo de procedimento a mulher está sempre acompanhada do pai ou

Continue lendo…