familia facebook pixel

Categoria Diário da Família

Xuxa ficou velha. Você não?

As pessoas tem que aceitar que eu não sou mais jovem. Resumindo: as pessoas tem que se tocar de que… eu fiquei velha! Essa declaração simples – e forte – poderia ser minha, mas não é. É de uma mulher chamada Maria da Graça Xuxa Meneghel. Ou apenas Xuxa. Uma apresentadora, atriz, cantora pop infantil, empresária, filantropa e modelo brasileira. Uma artista duas vezes vencedora do Grammy Latino na categoria melhor álbum infantil. Uma

Continue lendo…

Competição de mãe

Eu tive parto normal, comemoram algumas. Eu amamentei anos, vibram outras. Meu filho não faz birra, não usa chupeta e nem mamadeira. O meu tirou a fralda antes de andar. Aprendeu a ler sozinho….É, a competição entre as mães não tem limite. E, pior, não tem a ver com a idade do filho. Tem a ver com ser melhor, com se sobressair. A qualquer custo! Mesmo que isso signifique mentir,

Continue lendo…

Carnaval em família

Sempre amei carnaval. Quando morava no interior de SP ía aos bailes nos clubes e me acabava. Já adulta desfilei no sambódromo no Rio de Janeiro duas vezes e também amei. Mas isso tudo até conhecer o carnaval de Salvador. Foi amor a primeira vista. Quando conheci o reinado do axé, de Ivete e Bell Marques nunca mais quis ir a outra festa nesta época do ano. Me encontrei como jamais

Continue lendo…

Nova York com crianças

Começa hoje a aventura da nossa família em Nova York! Na verdade sempre acho que uma viagem para essa cidade é uma aventura. Mas ir a Nova York no inverno é um pouco mais louco.  e com duas crianças pequenas acho que é um pouquinho mais…ousado, digamos assim!! Nova York Claro que logo que decidimos pelo destino eu comecei a pesquisar programas para fazer com elas por lá. Claro que

Continue lendo…

Caçula da mamãe cresceu

Minha caçula completa seis anos hoje. Sim, é daquele nenê que nasceu ontem mesmo que eu estou falando. Daquela criancinha que até outro dia não sabia falar nada além de mamãe. Daquele pingo de gente que mamava no meu peito milhares de vezes por dia e dormia profundamente depois, sem dar trabalho nenhum. Pois eu pisquei e olha ela aí, fazendo seis anos! Caçula linda Que maluca é vida da

Continue lendo…

Enfim, sós!

Os últimos 40 dias foram intensos e deliciosos por aqui. Primeiro recebemos meus pais. E depois minha sogra. Foi o máximo. Deu tudo certo. Matamos a saudade. Curtimos muito. Mas preciso dizer que também é muito gostoso voltar a nossa rotina normal. E poder dizer: enfim, sós! Não que eu não goste de visita (nem é o caso, eles são família). Não que eu não curta festa. Muito pelo contrário. E

Continue lendo…

Irmãs se dão bem?

Não tive irmãs. Mas tenho um irmão 3 anos mais velho do que eu. Brigamos a vida toda como cão e gato. De uns tempos pra cá passamos a compreender melhor o outro. Aceitar as diferenças. Percebemos que a gente se ama, apesar de sermos opostos. E estamos melhores amigos desde então. Mas isso veio com a idade. Com a maturidade. Irmãs brigam? Por isso mesmo quando alguém pergunta se

Continue lendo…

Missão cumprida: que delícia!

Ontem entreguei um projeto grande. Difícil. Trabalhoso. E delicioso. Sabe sensação de missão cumprida? Pra mim ela é mais poderosa do que a sensação de comprar sapato novo. Do que a sensação de ter marcado uma viagem. Do que a sensação de ter vencido uma batalha. É a certeza de que fiz o máximo que pude. É a sensação de que dei o meu melhor. E de que entreguei o

Continue lendo…

Receita para vencer na vida: vontade!

Nada me encanta mais do que uma pessoa com vontade de vencer na vida. Com disposição pra batalhar. Com brilho no olhar. Nada me deixa mais empolgada do que ver uma pessoa dando os primeiros passos na carreira com tesão. Sem frescura. Topando qualquer parada. E é justamente essa a receita para alguém vencer na vida, na minha opinião: força de vontade. Receita básica!! É uma receita básica, mas pouca

Continue lendo…

Avós por perto: como é bom!

Eu sempre soube como é bom ter avós por perto. Sempre fui muito próxima dos meus. Vivi com eles muitas férias, finais de semana, momentos inesquecíveis. Aprendi muito com cada um. Morro de saudade dos dias no sítio da minha avó Lorena. No apartamento na praia da minha avó Josephina. Lembro com clareza da risada do meu avô Joaquim e do portunhol do meu avô Manolo. Eles fazem parte da

Continue lendo…