Familia é tudo de bom!

Deixar minha família no Brasil foi a parte mais difícil da minha mudança quatro anos atrás. Esqueça a saudade de casa. De lugares. De comida. E até de amigos…é da família direta (pai, mãe e irmãos) que a gente sente mais falta.

Sem eles falta colo. Falta aconchego. Falta alguém – que conhece a gente como ninguém – para desabafar. Falta uma parte da gente.

Por isso mesmo quando mudei combinei com eles que no mínimo duas vezes por ano a gente se veria. Eu iria pra lá com marido e filhos e eles viriam pra cá. Tem dado certo desde então. A gente tem conseguido se encontrar. E, quando isso acontece, é demais!

Familia é tudo de bom!

Esses dias, por exemplo, estou com parte da minha família em casa. E é como se eu tivesse voltado no tempo. Como se eu sentisse o gosto e o cheiro da minha infância. Voltam as histórias que vivemos. As brincadeiras do passado. E volta o colo, o aconchego e o carinho que fazem tanta falta.

Não que eu não tenha nada disso em casa, muito pelo contrário. Minhas filhas e marido me ajudam muito. Mas é diferente e quem mora fora do país sabe do que eu estou falando.

Por tudo isso quero pedir desculpa pela minha ausência nos últimos dias. Tem sido complicado conciliar trabalho com passeios que eu quero fazer com eles. Tem sido difícil equilibrar a vontade que eu tenho de prolongar jantares com a necessidade de dormir cedo para estar bem na reunião do dia seguinte. Mas eu sigo tentando. Porque vale a pena. Porque é uma delícia cuidar deles. Recebê-los na minha casa. Poder curtir uns dias juntos.

Daqui a pouco eles vão embora, é verdade. Mas sem problemas. Porque depois sou eu quem vai ao Brasil. E logo já estará na vez deles voltarem. E a gente segue assim. Driblando a saudade.

 

 

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Newsletter Familia Muda Tudo

Cadastre-se em nossa newsletter!