familia facebook pixel

Carta para minha afilhada!

Carta para minha afilhada!

Carta para minha afilhada!

Eu queria ser uma madrinha presente. Eu queria assistir a apresentação de ballet, queria estar junto quando o primeiro dente caiu, quando ela começou a ler. Queria ser a pessoa pra quem ela conta tudo, queria poder ajudar nas escolhas, queria ser um exemplo. Mas, na prática não sou a melhor madrinha do mundo. Por isso mesmo essa é uma carta para minha afilhada!

Luísa, antes de mais nada, me perdoe. Moro longe, quase nunca telefono, minha vida maluca não me deixou sequer construir com você o vínculo que eu gostaria. Mas eu te amo. Do meu jeito. Mas amo. Quem sabe quando você crescer me entenda. De qualquer maneira, decidi me explicar desde já, até porque você já sabe ler super bem e isso é motivo de muito orgulho pra mim! Quem sabe você não seja uma grande jornalista no futuro?

Me lembro como se fosse hoje do dia em que sua mãe, uma das minhas melhores amigas, me disse que estava grávida. Me lembro de ter ficado emocionada, de torcer para que o bebê fosse uma menininha linda e especial como ela. Minha torcida deu certo! Um dia sua mãe me contou que estava esperando uma menina. Depois me contou que seu nome seria Luísa e, finalmente, disse que tinha me escolhido para madrinha. Caramba! Que responsabilidade!

Apesar da culpa de estar longe que acabei de confessar, na minha cabeça ser madrinha é mais do que estar presente (e dar presente!). É ser a pessoa que sua mãe escolheu para cuidar de você se um dia ela faltar. É ser uma segunda mãe, se preciso for. Por isso, no dia que soube que teria esse papel na sua vida, fiquei meio boba, meio sem saber o que dizer (logo eu, que ironia!!).

Mas o fato é que o tempo passou e no final de semana eu me dei conta do quanto você cresceu. Me dei conta de que perdi muitas conquistas suas. Me dei conta de que você não me conhece direito (e eu sou legal, viu? Principalmente com crianças!!!). Mas o bom é que temos muito pra viver ainda e eu espero poder te mostrar tudo isso. Espero poder ser sua amiga. Espero que você conte comigo!

Espero que você saiba que estou em outro país, mas vou voando te ajudar se for preciso. Quero que tire dúvidas comigo, que desabafe quando quiser. Quero que me conte seus segredos mais preciosos (juro não contar pra sua mãe!). Quero ser sua madrinha de verdade! Que tal começarmos tudo de novo? Tenho certeza de que vai valer a pena!

 

17 Discussions on
“Carta para minha afilhada!”

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Família Muda Tudo!

Assine o Blog da Família Muda Tudo!

*