familia facebook pixel

Ajudante dos novos alunos

Quando minhas filhas chegaram na escola nos Estados Unidos receberam ajuda de outros amiguinhos que já moravam aqui há tempos. Estavam em pânico, não falavam uma palavra do novo idioma. Mas os ajudantes traduziam tudo. Davam dicas. Orientavam como pedir algo. Por onde seguir na escola. Até elas se acostumarem com a nova rotina. Hoje, dois anos e meio depois, elas tem o título de ajudante das classes.

Ajudante das classes

Falo – e escrevo isso – de boca cheia. Orgulhosa mesma. Só eu sei o que elas passaram nos primeiros dias, meses. Até pegar o jeito com a língua. Até se enturmar. Até fazer amigos. Só eu sei como foram angustiantes esses primeiros momentos. Quer dizer, eu, elas e o pai sabemos. Porque em casa elas mostravam o cansaço por se esforçar o dia todo. Por tentar se adequar.

Mas, mesmo assim, nunca pensaram em desistir. Isso nunca passou pela cabeça delas. E nem pela nossa. Fomos firmes nessa guerra. E vencemos!

Hoje Nina e Maitê são solicitadas quando brasileirinhos novos chegam a escola. São elas que mostram como tudo funciona. Traduzem o que for necessário. Ajudam na comunicação com os professores e outros amigos. E elas fazem isso com maestria. Porque sabem exatamente o que essas crianças estão passando. Talvez por isso tenham mais tolerância. Mais calma com os recém-chegados. E é disso que esses pequenos desbravadores precisam.

Meu coração se enche de orgulho. Elas estão devolvendo o mesmo carinho que receberam. Querem passar para os pequenos, com a experiência de quem já viveu isso na pele, que tudo passa. Que o pavor diminui com o tempo. Que as coisas se ajeitam. E, o mais importante, que um dia, antes do que eles imaginam, a escola vira o lugar mais legal de todos. Onde elas querem ir todos os dias. E onde aprendem lições para a vida.

 

 

 

4 Discussions on
“Ajudante dos novos alunos”

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Família Muda Tudo!

Assine o Blog da Família Muda Tudo!

*