Viver não é só pagar conta

Viver não é só pagar conta. Aguentar cara feia de chefe. Bater o dedinho na quina. Pegar fila. Dar brinca nos filhos. Levar um fora. Viver não é só ter que acordar cedo na segunda. E na terça, quarta, quinta e sexta. Não é só ter que fazer dieta para emagrecer. Não é só limpar a casa. Não é só ter que se depilar. Viver é pra ser legal. Porque passa rápido. Porque amanhã a gente não sabe o que vai acontecer. Nem se vai chegar.

Desde que saí da casa dos meus pais decidi que na minha casa os pratos bonitos vão pra mesa em qualquer dia da semana. Que segunda é dia de usar roupa nova e de caprichar no jantar. E no vinho. Que nos outros dias da semana também tem que caber um almoço com as amigas. Um happy hour com a galera do trabalho. Um fim de tarde no spa me cuidando.

Não estou dizendo que acorde pulando de alegria na segunda. Pelo contrário. Por isso mesmo me faço um carinho nesse dia. Seja com uma roupa nova, um cardápio diferente, um vinho geladinho. Ou os três ao mesmo tempo, por que não?

Não estou dizendo também que a vida é fácil nem que os boletos não chegam na minha porta. E que muitas vezes são pagos com juros. Não estou dizendo que não faço economias ou que gasto tudo que tenho em qualquer peça de roupa que encontro pela frente.

Mas viver não é só pagar conta!

O que eu estou dizendo é que, cada vez mais, tenho a certeza de que a vida é hoje. E tento que esse hoje seja minimamente legal. Segunda é um dia chato porque você tem milhares de coisas pra fazer e acaba de vir do fim de semana…mas e se em casa tiver algo bem gostoso para comer te esperando? E se naquele dia você estiver usando uma sandália nova?

Acho que o segredo da vida é esse. Encontrar graça no que não tem graça. E não ficar esperando feriado ou fim de semana para rir. A vida é hoje. É curta. Vai acabar. A qualquer momento. Quer mudar de vida? Mude. Quer mudar de país? Arrisque. Hoje. Agora. Ou nunca mais.

x

Newsletter Familia Muda Tudo

Cadastre-se em nossa newsletter!