O que vai na nossa lancheira!

Lancheira do dia!!

Lancheira do dia!!

Sempre digo aqui que quando a gente vai nos parques com as crianças levamos um monte de coisinhas para elas beliscarem. Na minha opinião, esse é o melhor jeito de garantir um lanchinho mais saudável e mais barato! Mas o que vai na nossa lancheira? Essa é a pergunta de muita gente! Muito bem, o post de hoje é exatamente sobre isso!

Primeiro que usamos uma lancheira térmica, fácil de encontrar em qualquer supermercado aqui nos Estados Unidos (e no Brasil também não é complicado). Encho a lancheira com aquelas bolsas de gelo, já que o calor aqui é tão intenso que até a lancheira térmica precisa de uma “força”, e ponho garrafinhas de água (que reabasteço nos bebedouros do parque), frutas cortadas ou uvas, cerejas e bananas (mais fáceis de comer), bolachinhas tipo maizena (sem recheio, sem melecar tudo) e castanhas.

Hoje, por exemplo, vamos ao magic kingdom à tarde. Elas almoçaram em casa (arroz, feijão, bisteca suína grelhada, milho cozido na espiga e salada de tomate) e vão ter uma fominha lá pelas três horas. Nesse momento, em vez de sorvete, algodão doce, pretzel e outras guloseimas que eu só libero de vez em quando, saco da mochila o lanchinho que preparei: bolachinhas (em formato de bichinhos), bananas, nectarinas, maçãs e pêras cortadinhas. As duas já estão acostumadas, nem reclamam.

No fim da tarde voltamos pra casa e eu faço o jantar enquanto elas tomam banho e descansam no sofá vendo desenho. Não faço nada muito elaborado (até porque eu nem sei fazer!!! Risos!), mas é sempre algo saboroso e caprichadinho! O cardápio de hoje, por exemplo, vai ser um macarrão rápido (porque se demorar elas dormem) com brócolis e peito de peru e saladinha de cenoura.

Claro que algumas vezes a gente come no parque mesmo, claro que tem dias em que o cardápio é um hambúrguer bem gostoso, acompanhado de batata frita. Mas no dia-a-dia tento cuidar da alimentação das pequenas. E da nossa! Comer saudável dá mais trabalho, mas vale a pena!

 

1 Discussion on “O que vai na nossa lancheira!”
  • Querida Patrícia, estou adorando suas postagens. O meu filhote de 4 anos tem alergia alimentar moderada, mas tenho que manter o controle, pois ele sofre com conceiras em todo corpo. É bom sempre nos precavermos para situações de fome, pois os filhotes viram leões… rsrs. Bjs. Sucesso sempre.

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Newsletter Familia Muda Tudo

Cadastre-se em nossa newsletter!