familia facebook pixel

Evaristo Costa é mais um…

Chama a atenção a decisão do meu colega Evaristo Costa. Depois de 14 anos na TV Globo, onde milhares de pessoas sonham trabalhar, ele decidiu mudar. De vida. De rumos. De sonhos. Decidiu ir atrás de coisas que fazem mais sentido pra ele. Decidiu se dedicar a família. Decidiu dar um tempo. Descansar o corpo e a mente, como ele mesmo disse num vídeo em que se explica. Esse é o meu ponto: a necessidade de se explicar.evaristo costa

Evaristo Costa foi ser feliz!

Assim como Evaristo Costa eu também decidi que havia chegado minha hora de mudar de vida há dois anos. Naquele momento achei que o mais difícil, depois de 2 décadas dedicadas a tv, seria a falta da rotina nos estúdios. Mas descobri que o mais difícil é mesmo ter que me explicar. Ter que dar respostas quando me perguntam: “e você largou tudo pra morar nos EUA porque?”. Engraçado mas ninguém pergunta se eu estava feliz. Ou se agora estou feliz. Todos perguntam como eu abandonei o glamour, a “fama”, os presentes e convites.

Confesso que já tive mais paciência para responder tudo isso, assim como o Evaristo. No começo elaborava longos emails de resposta, dedicava longos minutos falando sobre a decisão. Me sentia na obrigação – olha que loucura – de explicar uma decisão que diz respeito a mim e a minha família. Só.

Algum tempo depois simplesmente percebi que as pessoas não queriam saber se eu estava cansada de não ter vida. De não ter horário. De me submeter a decisões arbitrárias e injustas no trabalho. Ninguém queria saber que mulher sofre preconceito quando envelhece em frente as câmeras. Nem que eu fui passada pra trás diversas vezes nos últimos anos por fofoca e bobagens. Todo mundo só estava curioso, nada muito profundo.

A partir daí me libertei. Decidi que a partir daquele momento não precisava elaborar mais as respostas. Não precisava contar fatos e nem relembrar nenhum episódio. Percebi que eu poderia resumir tudo numa frase curta. Simples. “Decidi mudar porque não estava feliz”. Ponto. “E nos EUA você está, mesmo não trabalhando em TV?”, alguns insistem. “Sim, estou”. Ponto final.

Meu conselho para o colega a partir de agora é esse. Chega de dar respostas e gravar vídeos longos. A maioria das pessoas não quer saber realmente se você não estava bem e agora está, por exemplo. Muitas não se importam com isso. Só estão curiosas. Pare de se explicar. E vá ser feliz!!

5 Discussions on
“Evaristo Costa é mais um…”

Deixar um comentário

Seu email não será divulgado.

x

Família Muda Tudo!

Assine o Blog da Família Muda Tudo!

*